< Back

Como a Bitso se tornou a plataforma nº1 de compra e venda de criptomoedas na América Latina

A Bitso, bem como todas as fintechs, precisa garantir que cada interação com um usuário seja segura e autenticada. É por isso que a Bitso procurou a Twilio e hoje usa o Verify da Twilio, uma solução que fornece verificação do usuário em tempo real.

The Results
99%
dos usuários verificados com sucesso
88%
dos usuários executaram uma operação
82%
dos usuários concluíram as redefinições de senha

Segundo o S&P Global, a população do México que não tem conta bancária totaliza cerca de 42 milhões de pessoas que continuam a lidar principalmente com dinheiro. No entanto, durante a pandemia, as empresas de tecnologia financeira, as Fintechs, perceberam um rápido crescimento. A Asociación Fintech México disse que considera 2022 como um ano de consolidação para este ecossistema, que irá impulsionar a inclusão financeira no país.

Para lidar com o crescente volume de transações com criptomoedas, a plataforma Bitso foi fundada no México em 2014 para facilitar a troca entre dinheiro físico e virtual.

A Bitso, uma das principais fintechs do México, está empenhada em expandir o uso de criptomoedas e redefinir o conceito de dinheiro. Desde sua fundação em 2014, a Bitso se tornou a maior plataforma de câmbio de criptomoedas digitais da América Latina e a terceira Fintech mais valiosa da região, com cerca de 2,5 milhões de usuários, 10 bilhões (em volume) de transações negociadas e mais de 400 funcionários em mais de 27 países.

Para evitar fraudes e proteger os usuários contra cobranças fraudulentas relacionadas à conta, as empresas de criptomoedas precisam verificar se um usuário é quem ele diz ser ou se é confiável.

O México enfrentou alguns obstáculos em sua jornada na migração para criptomoedas. Garantir a segurança foi um problema prioritário, especialmente quando se tratava de proteger os usuários contra cobranças fraudulentas relacionadas à conta e a identidade dos usuários.

As plataformas de cripto precisam garantir que as transações de alto valor, as alterações relacionadas à conta e o acesso à conta estejam protegidos e sejam acessíveis apenas por usuários legítimos.

A Bitso, bem como todas as fintechs, precisa garantir que cada interação com um usuário seja segura e autenticada. É por isso que a Bitso procurou a Twilio para obter ajuda e, por fim, optou por usar o Verify da Twilio, uma solução específica que fornece verificação do usuário em tempo real para atenuar problemas de suporte.

A API do Twilio Verify simplifica a adição da verificação do usuário ao seu aplicativo da Web, oferecendo suporte a vários canais, incluindo SMS, voz e WhatsApp. Com a ajuda de soluções como o Verify da Twilio, a Bitso conseguiu criar uma experiência de usuário de ponta a ponta mais intuitiva, eficiente e segura.

Como foi o processo?

Os primeiros gerentes de produtos da Bitso foram encarregados de procurar provedores de serviços que otimizariam o uso das soluções existentes na plataforma. A Bitso começou com o SMS do Twilio Programmable Messaging, que era reconhecido no setor de comunicações. Eles usaram o SMS programável para OTP e para mensagens de marketing. No entanto, enfrentaram desafios à medida que começaram a decolar e expandir globalmente.

Como resultado, a empresa começou a ver um aumento nas chamadas de suporte para OTPs globais que não estavam sendo entregues. As OTPs são essenciais, o que significa que o usuário espera recebê-las em tempo real. Ao contrário de uma mensagem de marketing que um cliente pode não esperar obter, uma OTP é solicitada pelo usuário final e, portanto, há uma expectativa que a empresa deve cumprir. Alguns usuários estavam recebendo OTPs em idiomas não nativos, ou mensagens sobre problemas não relacionados à Bitso. Tudo isso resultou em uma experiência do usuário insatisfatória. Diante do desafio de melhorar o sistema de interação com o cliente e torná-lo confiável, a Bitso mudou para a API única Verify da Twilio para verificação multicanal, uma solução específica que fornece senhas de uso único em tempo real para atenuar problemas de suporte.

Na Twilio, eles encontraram mais do que apenas um provedor, mas um parceiro que os ajudou a projetar um produto personalizado. O Verify ajuda a confirmar, no momento do novo registro de um usuário, que o usuário é quem ele diz ser. Isso é de vital importância atualmente, com cada vez mais ameaças à segurança cibernética.

Descobrimos que, com apenas um engenheiro, conseguimos testar e implementar totalmente o Verify

Gerente de Produtos da Bitso

De acordo com o gerente de produtos da Bitso: "Descobrimos que, com apenas um engenheiro, conseguimos testar e implementar totalmente a verificação".

Graças ao seu desenvolvimento personalizado, a plataforma da Bitso agora melhorou a interação do usuário em diferentes fluxos. O mais importante disso talvez seja o fluxo de criação da conta, já que é a primeira interação que o usuário tem com o aplicativo. Esse fluxo exige que o usuário forneça informações básicas e, em seguida, verifique se ele é realmente um usuário válido. É aí que o Twilio Verify entra em jogo. A API envia, instantaneamente, um código de verificação ao usuário para que ele nem perceba que vem de um provedor diferente da Bitso.

A Bitso está constantemente buscando maneiras de melhorar a experiência do cliente incorporando novas ferramentas tecnológicas que tornam a interação com seus usuários ainda mais intuitiva: "Estamos pensando em implementar autenticações por push, em vez de ter apenas um código. Os usuários podem usar seus telefones celulares para autorizar transações como saques em espécie ou câmbio de moeda. Dessa forma, podemos simplificar o processo e proporcionar uma melhor experiência ao usuário e, quem sabe algum dia, podemos usar o WhatsApp, que é muito popular na América Latina, para interagir com nossos usuários", disse o gerente de produtos da Bitso.